Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 2 de julho de 2009

ETIQUETA- QUANTIDADE E QUALIDADE






Para um jantar de mesa, o ideal é o mínimo de um casal e o máximo de 15 pessoas, dependendo do tamanho da mesa. Uma alternativa é então acomodá-los em mesas separadas, com 4 pessoas em cada.
Porém, no jantar americano, certifique-se que há assentos suficientes para todos os convidados, mesmo para aqueles que preferem ficar de pé.
Escolha pessoas que se dão bem e evite aquelas que gostam de fazer propaganda vendendo seus produtos de limpeza, jóias e bijuterias, o que pode ser embaraçoso para os outros convidados. Convide pessoas que gostam de conversar e evite chamar aquelas que já deram vexames com bebida, brigas ou outros.
Faça convites com antecedência porque chamando em cima da hora você corre o risco de perder muitos convidados e frustrar os seus planos. Ligue para as pessoas com um dia de antecedência, lembrando do evento.
Para jantares muito formais, manda-se convite impresso no qual consta o famoso R.S.P.V., que significa Répondez s’il vous plaît ( Responda, por favor ), mas para não complicar a cabeça de quem vai receber o convite, coloque em parênteses na nossa língua portuguesa mesmo.


Apresentação


Certamente haverá convidados que não se conhecem e cabe a você apresentá-los e ambientá-los na festa.
Apresenta-se sempre a pessoa menos à mais importante. A jovem, à mais velha. O homem, à mulher.
Use o sobrenome, menos para os mais jovens, pois o sobrenome poder ser um bom ponto de referência. Pronuncie claramente o nome e o sobrenome.
Cabe à pessoa mais importante, àquela que “recebe” a apresentação, fazer o primeiro gesto. Estender a mão, fazer um aceno, tudo isso vale.
Se você esqueceu o nome da pessoa, perguntar e pedir desculpas é o mais correto, mas poderá magoar o convidado. Procure decorar os nomes das pessoas que você convidou e nem cogite dar “crachás” para as pessoas.


O momento crucial, a mesa


Toalha de mesa é válida, mas evite toalhas com cores “escandalosas” ou com desenhos chamativos.
Sobre um prato raso, coloque um menor para a entrada e sobre esse prato, coloque um guardanapo dobrado sem muito exagero nas dobras. O guardanapo não é origami (dobraduras).
É você quem estabelece os lugares de um jantar sentado. À sua direita deve ficar o convidado de maior importância ( parece frescura, mas é assim mesmo ) e à sua esquerda, o segundo mais importante. Idem para as mulheres, em relação ao dono de casa. Os donos da casa podem sentar-se indiferentemente às cabeceiras, ou nas cadeiras mais ao centro, um de frente do outro.
Inicialmente, sirva vinho branco seco e gelado, acompanhando a entrada e o peixe ( caso for servido peixe ). O tinto sempre deve ser à temperatura do ambiente e é ideal para acompanhar as carnes. O champagne é usado como acompanhante da sobremesa ou vinho.
Para jantares americanos, ofereça o tinto e o branco, deixando que cada um escolha o que preferir.
Acrescentar frutas ao menu é uma delicadeza para aqueles que fazem regime, pois sempre há alguém fazendo regime.
Jamais repita os ingredientes, usando-o em mais de um prato, por exemplo creme de leite na sopa e no prato principal.
Evite repetir as receitas que tenham o mesmo princípio, como mousse salgado e na sobremesa mousse de frutas.
Leve em conta a temperatura. Sopa gelada no verão e pratos quentes no inverno.
O jantar americano é mais prático, pois você poderá fazer pratos diferentes e os convidados se servirão do que mais lhe agradar. Não esqueça a salada, mesmo que você não goste. O convidado é o mais importante.
Faça mais de um tipo de sobremesa, como mousses e saladas de frutas.


Os últimos arremates


O cafezinho é adequado para dar o ponto final no jantar e seria ideal tomá-lo na sala. A dona da casa deve servir o café em jantar de poucos convidados. Os licores são servidos pelo dono da casa, que atenderá primeiro as convidadas e depois os homens. Jamais ofereça café já servido e adoçado. Se quiser, sirva bombons juntamente com o café.
Se você perceber que numa roda a conversa está caindo, aproxime-se e puxe um assunto polêmico, será que falar de corrupção ajuda? Depende de quem estiver na rodinha. Nem pense em comentar sobre novela numa roda de pessoas de alto nível, pois não é rodinha de comadres.
Não dê atenção apenas para as mesmas pessoas, procure conversar um pouco com todas, cumprimentando e acenando. Sorria sempre para mostrar aos convidados que está muito satisfeito com a vinda de todos.
Jamais coloque música de fundo em volume alto demais. Isso poderá prejudicar a conversa entre os convidados. O mais acertado é deixar em volume suficiente para todos ouvirem, nem alto e nem baixo demais. E nada de pauleira! Se você comprou o novo cd de uma banda de heavy metal, deixe de lado!
Tente não demonstrar o cansaço. O que você pode fazer é não insistir no contrário, quando os convidados disserem que está na hora de ir embora.




Um dos detalhes mais importantes de um jantar ou almoço formal é a arrumação da mesa, além do que será servido.
É lógico que não convém você servir um sanduíche numa mesa com arrumação para um jantar formal, portanto, prepare a mesa de acordo com o que for servir.

Os copos, sempre à direita do prato principal, na ordem, a partir do copo mais próximo do prato: água, vinho tinto, vinho branco ( para o jantar ). O tamanho é decrescente e a disposição, em diagonal. Champagne, a taça ou flute deve ficar à direita do copo de água e um pouco mais adiante

Um arranjo de flores e velas sempre dá um ar mais festivo a sua mesa, mas utilize flores não muito chamativas para não roubar a atenção, pois o astro da noite é a mesa e a comida, use-os apenas para dar um toque.

A sopa, se houver, deve já estar servida quando os convidados se sentarem à mesa. O mesmo para a água. Um forro debaixo da toalha evita que escorregue; convém que seja da mesma cor, ou de cor semelhante.

No jantar americano, a comida já deverá estar na mesa quando os convidados começarem a se servir. Coloque do lado da mesa, pilhas de pratos, talheres lado a lado, guardanapos, para que o convidado possa pegar para se servir, e não deixe que faltem pratos.

Nenhum comentário: